Pacientes Especiais/Síndrome de Down

31 de março de 2014

Minha auxiliar Kamyla fez esse texto falando sobre nossos pacientes com síndrome de Down. Repasso a vocês reforçando e enfatizando que a melhor maneira de atender a manipular tais pacientes , é realmente fazendo a PREVENÇÃO.

“A Síndrome de Down está associada a alguns atrasos no cérebro como o instinto de perceber, aprender, recordar e pensar sobre qualquer informação captada, atrasos também no desenvolvimento físico. Essa síndrome é geralmente  identificada no nascimento, pois a fisionomia já é diferenciada.

Assim como qualquer outro recém-nascido, tendo ele algum problema de saúde ou não, deve ser levado ao dentista nos primeiros meses de vida pois prevenir é muito melhor do que remediar.

O tratamento odontológico se torna mais simples e menos invasivo se começado como prevenção. A equipe de CD, fonoaudiólogo, otorrino e psicólogo devem agir em conjunto para evitar problemas futuros. Mesmo com a dificuldade de encontrar um dentista disposto a tratar de um paciente com SD, é essencial para sua saúde retornar ao consultório sempre que o dentista recomendar.

Quanto mais cedo o paciente com Down for levado ao dentista  melhor pois a segurança e tranquilidade já irão sendo criadas entre o ele, os familiares o dentista e sua equipe, para melhor aceitamento e sucesso no tratamento.

O tratamento odontológico para criança com síndrome de Down é praticamente realizado da mesma forma que os demais  pacientes pediátricos. Tendo em vista os problemas na dificuldade motora, o atraso na erupção dos dentes, composição salivar, baixo nível de cárie por conta do bruxismo e desgastes nos dentes. O que acaba sendo mais prejudicial são a gengivite e a periodontite, que influenciam na saúde geral do paciente . Grande parte dos pacientes que possuem a síndrome tem problemas cardíacos, imunidade baixa e a pré disposição a estes tipos de doença. Por isso a equipe do Cirurgião dentista e médicos devem fazer a orientação sobre alimentação, higienização  e controle de maus hábitos para manter os dentes e gengivas saudáveis”.

Kamyla (TSB)

 

No Mural da COMS

28 de março de 2014

Meus amores na prevenção!

Dentistas do bem

28 de março de 2014
Quem lembra do Natanael? Há um tempinho atrás (um ano) precisei ajuda para tratá-lo e fiz uma “campanha ” aqui no face pedindo ajuda a outros profissionais. Foi muito bacana! Pude contar com a solidariedade de tantas pessoas! Muitos sensibilizaram-se pelo caso e hoje esse Menino já consegue sorrir! Um sorrisinho discreto e tímido, mas feliz!
O tratamento básico foi realizado restabelecendo sua saúde bucal, e a parte ortodôntica está em andamento. Acontece que agora precisamos urgentemente de um PERIODONTISTA para intervir no casol. Se você é especialista em periodontia nos ajude? Um tempinho seu, fará a diferença na vida desse menino! Se você não é Dentista e quer ajudar, indique o seu Dentista. Todos nós podemos, de uma ou outra maneira, ajudar! DENTISTAS DO BEM/Turma do bem/Cadastro no site:www.turmadobem.org.br
Ou entre em contato comigo! Ele está ansioso à espera! Bjos e bom fim de semana…

Dentistas do Bem

27 de março de 2014

 No dia 25 de março de 2014, a Oral-B e a Turma do Bem realizaram pela segunda vez a maior triagem odontológica do mundo. O evento aconteceu simultaneamente em mais de 270 municípios do Brasil, em 10 países da América Latina e Portugal.

 Em PALHOÇA, a ação aconteceu na Associação Pró-Brejaru. Os jovens selecionados serão encaminhados para cirurgiões-dentistas voluntários do projeto Dentista do Bem, que farão todo o tratamento gratuitamente até que eles completem 18 anos.

O processo foi simples, rápido e não invasivo: Primeiramente fiz um exame visual da condição bucal de cada jovem e preenchimento de uma ficha com dados sobre a saúde bucal e a condição socioeconômica da família.

Após a triagem, é elaborado um pequeno dossiê de cada criança e adolescente com a ficha de avaliação, uma cópia do comprovante de residência e a autorização dos pais ou responsáveis para que o tratamento seja realizado.

A seleção é feita por meio da aplicação de um índice de prioridade, que beneficia as crianças e os adolescentes mais pobres, com problemas bucais mais graves e os mais velhos, que estão mais próximos do primeiro emprego. Cada selecionado recebe uma carta com o nome e o endereço do dentista voluntário que será responsável pelo seu tratamento; para facilitar o acesso, a TdB encaminha o beneficiário para o consultório mais próximo da sua residência.

Os dentistas voluntários atendem, em seus próprios consultórios, as crianças e os adolescentes selecionados até eles completarem 18 anos. Curativo, preventivo e educativo, o tratamento é totalmente gratuito e completo, incluindo, se necessário, radiografias, ortodontia, próteses e implantes, por exemplo.

A triagem está feita! Aguardamos a seleção e convidamos os Dentistas de Palhoça a participarem!

Estou realizada por ter cumprido mais uma etapa do meu planejamento! Obrigada aos que apoiam, obrigada aos que ajudam, obrigada às crianças que participaram, obrigada a Sra. Laura e Isa da Associação Pró Brejarú…Enfim só tenho que agrader!

Obrigada! Segue aí as fotos do dia da triagem! Um beijo

 

 

Preparando para a chegada do Coelho!

26 de março de 2014