Fale com a Dra. Mônica

A saúde bucal da Gestante

Hoje preparamos um post para falar com você, futura mamãe, sobre o quanto é importante cuidar da sua saúde bucal e a do bebê que está chegando. 

Se você tem dúvidas sobre o pré-natal odontológico, sobre fazer radiografias dentárias durante a gestação, sangramento da gengiva, ou quando os dentes do bebê começarão a se formar, continue a leitura. 

 

Pré-natal odontológico

A Odontologia Neonatal tem como objetivo a prevenção de várias doenças e/ou alterações que as crianças possam desenvolver no futuro. Por isso, o momento mais oportuno para realizar a prevenção é durante a gravidez.

O bebê ainda não nasceu quando a futura mãe recebe do odontopediatra, todas as orientações necessárias, — são praticamente uma aula de 1 hora.

O pré-natal odontológico não é unicamente o atendimento da gestante, e sim, orientações sobre Ela e o Neonato, — tudo baseado em evidências científicas. Por exemplo, você sabia que os alimentos que come afetam os dentes que ainda não nasceram? Pois é, enquanto o futuro dente (temporário) está se formando, ele precisa de sais minerais ( cálcio, fósforo), vitaminas (A,B,C,D) etc. 

Vale ressaltar que, entre o 3º e 4º mês de gestação começa a se desenvolver o paladar do bebê, e se nessa fase você consumir muito açúcar, provavelmente seu filho gostará muito de doces. 

Então, além da avaliação de possíveis alterações, é importante que os pais recebam orientação quanto à dieta e higiene bucal, com o objetivo de prevenir a cárie e também avaliar hábitos como uso de chupeta e mamadeira.

Radiografias dentárias na gestação

As radiografias são muito importantes para ajudar o dentista a detectar cáries e outros problemas que às vezes não são visíveis. O importante é proteger a barriga com um avental de chumbo, fazendo isso o seu bebê não corre nenhum risco à sua saúde.

Gengivite na gestação 

Na gravidez, o organismo da gestante passa por uma grande variação hormonal, ocasionando algumas alterações relacionadas à cavidade bucal. 

Embora a gestação não seja a causa direta de problemas bucais, entretanto, essas alterações hormonais podem favorecer tais condições. Por isso, se a gengiva sangra é sinal que está inflamada — quadro de gengivite — e precisa ser tratada para não se transformar em periodontite

Enfim, qualquer infecção ou inflamação na boca deve ser removida para dar qualidade de vida à mãe durante a gestação.

Lembre-se: A relação do corpo com a boca é TUDO. Ainda mais quando se está gerando uma vida. 

Se ficou com alguma dúvida, deixe o seu comentário no post. Ajude outras gestantes, compartilhe essas informações.

Resp. Tec. Dra. Mônica Savariz | CRO SC 4758
Unidade Pedra Branca (48)3283-0354 | WhatsApp: (48)99164-7898
Acesse o Whatsapp neste link https://bit.ly/2Ly9SAR 
Unidade São Lucas (48) 3242-9420 |  (48) 3033-5101 |  WhatsApp: (48) 99136-7399 | (48) 99146-4763

Voltar

Comentários

Indicações da Dra. Mônica

Essekabe - Desenvolvimento Profissional Odonto Clínica Mônica Digital Face